domingo, 26 maio, 2024
Longevidade e qualidade de vida

Dra. Vanessa Ramagem


Cada vez mais as pessoas estão buscando a medicina preventiva para obter longevidade com qualidade de vida, muitas doenças podem ser evitadas com o autocuidado. Claro que a herança genética desempenha um papel importante na determinação da expectativa de vida. Algumas pessoas podem herdar genes que estão associados a uma maior longevidade. Mas hoje já sabemos que podemos mudar nossa história através da mudança do estilo de vida, mesmo não tento o fator genético a nosso favor.
Com o aumento da tecnologia e evolução da medicina, hoje podemos contar com antioxidantes injetáveis, que retiram os radicais livres produzido pelo corpo. Conheça os principais benefícios dos antioxidantes:

  • Retardar o envelhecimento precoce, já que protegem as células da pele contra os danos causados pelos radicais livres, evitando as rugas e a flacidez;
  • Prevenir doenças cardiovasculares, pois evitam a oxidação das células de gordura, equilibrando os níveis de colesterol “ruim”, o LDL, e triglicerídeos no sangue;
  • Ajudar a prevenir o câncer, porque melhoram a reparação e impedem os danos no DNA das células, evitando a formação e a multiplicação de células cancerígenas;
  • Evitar a doença de Alzheimer, pois protegem as células no sistema nervoso contra os radicais livres e melhoram o fluxo de sangue para o cérebro;
  • Ajudar no tratamento do reumatismo, porque também possuem ação anti-inflamatória, diminuindo o inchaço e aliviando as dores;
  • Prevenir a catarata e a degeneração macular, já que alguns antioxidantes, como luteína e zeaxantina, protegem os olhos contra os raios ultravioletas do sol.

Na minha clinica sempre preferimos a via injetável pela biodisponibilidade da medicação ou seja melhor absorção do que esta sendo usado. Na pratica vejo um diferencial na saúde do meu paciente. Além dos antioxidantes os hábitos saudáveis, como uma dieta equilibrada, exercícios regulares, evitar o tabagismo e o consumo excessivo de álcool, podem contribuir significativamente para uma vida mais longa e saudável.
Atividade Física: A atividade física regular não apenas ajuda a manter um peso saudável, mas também melhora a saúde cardiovascular, a saúde mental e a mobilidade, todos os quais podem contribuir para a longevidade.
Alimentação: Uma dieta rica em frutas, vegetais, grãos integrais, proteínas magras e gorduras saudáveis pode fornecer os nutrientes necessários para manter o corpo funcionando bem ao longo dos anos.
Controle do Estresse: Gerenciar o estresse através de práticas como meditação, ioga, atividades relaxantes e sono adequado pode ter um impacto positivo na longevidade.
Rede Social e Apoio: Manter conexões sociais e ter uma rede de apoio forte tem sido associado a uma vida mais longa e saudável.
Mentalidade Positiva: Uma atitude positiva em relação à vida e a capacidade de lidar com desafios de forma construtiva também podem influenciar na longevidade.
As ferramentas para vida longa são muitas . Busque um profissional para tratar sua saúde e não só a doença.

Dra. Vanessa Ramagem é médica, com pós-graduações em Endocrinologia e Nutrologia, e diretora do Instituto Vanessa Ramagem.

0 Comentários

Deixe um comentário

CLIQUE ABAIXO PARA LER A EDIÇÃO

SIGA A OPINIÃO NAS REDES SOCIAIS

INSTAGRAM

APOIO